Ondas de Calor

Tudo indica que Portugal, terá uma intensificação das ondas de calor, sendo mais acentuadas e constantes, refletindo-se negativamente na saúde humana, podendo gerar lesões causadas por desidratação, assim como são facilitadoras da ocorrência de incêndios florestais.

Para além disto, é essencial beber muitos líquidos (naturais), comer refeições leves e em pequenas quantidades e evitar sair à rua em horas de maior calor, apostando em roupas claras e de algodão.

Caso se encontre numa situação de mal estar devido ao calor, deve sempre descansar num local fresco, extrair roupas apertadas, utilizar compressas frias e tomar um banho a uma temperatura entre 20º a 25º.

 

Para mais informações, consulte o site oficial da Proteção Civil: prociv.pt