Município de Seia

 

 

 

        VILLE DE DOMFRONT

donfront

ps       

     1ª Revisão ao PDM
pdm


 

arus 




sig

gae


canil 

 seia empreende


 

 

 

 

 

 medicamentosnatalidade

 

 

 

 

  blvs
 

 

Error: No articles to display

 

 

 

 

rbems


     

ITINERANTE’17, cinema percorreu vilas e aldeias do concelho

O 7A SENA – Núcleo Cinéfilo de Seia promoveu, durante o mês de agosto, mais uma edição do ITINERANTE, uma iniciativa que tem por objetivo levar o cinema para a rua e proporcionar uma experiência cultural em comunidade, aproximando o cinema das populações, dinamizando o espaço público de vilas e aldeias e, desta forma, valorizando o território e as suas gentes.

De Valezim a São Romão, passando por Loriga e Vasco Esteves de Baixo, muitos foram os que saíram à rua para desfrutar de cinema ao ar livre, em comunidade, nos agradáveis serões de Verão.

Este ano o filme em exibição foi “Os Lobos” (Rino Lupo, 1923) – uma obra “especial” para a história do cinema português e para o concelho de Seia. Considerado por muitos como um dos melhores filmes mudos portugueses (a ele se referia Félix Ribeiro – fundador da então designada Cinemateca Nacional – como “a mais bela jóia que a cinematografia portuguesa do período mudo tem para mostrar”), o filme foi maioritariamente rodado nas paisagens serranas de Seia, São Romão e Valezim, nos anos de 1922 e 1923, e contou com a participação de inúmeros figurantes locais (maioritariamente de Valezim onde, simbolicamente, estreou esta 3ª edição do ITINERANTE).

Restaurado recentemente pela Cinemateca Portuguesa, digitalização e edição do filme em DVD, “não poderia o 7A SENA – Núcleo Cinéfilo de Seia deixar de partilhar esta obra com as gentes da sua terra, naquelas que terão sido, porventura, as primeiras exibições públicas desta obra no Concelho onde foi filmado”, refere o Núcleo Cinéfilo de Seia em informação enviada à Câmara.
Assim, volvidos 94 anos, muitos foram os que puderam finalmente reconhecer nas imagens do filme edifícios icónicos como as Capelas de São João, Nossa Senhora da Saúde e São Domingos, em Valezim, a Fonte das Quatro Bicas e a Igreja Matriz, em Seia e a Senhora do Desterro, em São Romão, entre muitas outras paisagens naturais e rurais da Serra da Estrela.

Entretanto, o filme ”Os Lobos” será exibido novamente a 14 outubro, na abertura oficial do CineEco – Festival Internacional de Cinema Ambiental da Serra da Estrela, que decorre na Casa Municipal da Cultura de Seia, uma sessão muito especial que contará com acompanhamento ao piano por Nicholas McNair, o intérprete da banda sonora que resulta da recuperação da partitura original do filme (partitura da autoria de António Tomás de Lima, 1925).

Veja AQUI o comunicado do 7ª Sena

     artisboletim             

 

cineecoclimadapt

loja poupanca

 

 

 

Desenvolvido por: Mixlife

Município de Seia - Largo Dr. António Borges Pires, 6270-494 Seia
Tel.: 238 310 230